No 7912 Ano 33   © 2019   6a-feira 06dez2019
nanoJORNAL para Tablets & smartphones

Dia de otimismo nos
mercados financeiros

Em dia de otimismo e alívio, a Bolsa voltou a bater recorde e o dólar fechou abaixo de R$ 4,20. O dólar comercial encerrou vendido a R$ 4,1880 com queda de 0,33%. A a moeda -americana está no menor nível desde 13nov19 (4,187). No mercado de ações, o índice Ibovespa, da B3, voltou a bater recorde e fechou a 110.622 pontos, alta de 0,29%. O indicador abriu em baixa, mas recuperou-se e reverteu o movimento. As ações da Petrobras, as mais negociadas, subiram 1,3% (papéis ordinários e preferenciais), ajudando na alta.

O BRASIL E O MUNDO HOJE
Bolsonaro em Bento Gonçalves, na 55ª Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul: nível de impostos.

foto Antonio Cruz / ABr





Flávio Bolsonaro e o fundo eleitoral: um engano. Foi tudo um engano, segundo o senador Flávio Bolsonaro (sem partido): ele diz que não prestou atenção na apreciação dos vetos à minirreforma eleitoral e acabou dando seu voto que garantiu o direito dos parlamentares aumentarem o fundo eleitoral para 2020. Na última 3a-feira (3), o relator da Lei Orçamentária, deputado Domingos Neto (PSD-CE) propôs que o fundo seja de R$ 3,8 bilhões. O novo valor proposto pelo relator é 120% maior do que o total do fundo eleitoral destinado às campanhas eleitorais de 2018.

Bolsonaro passa presidência do Mercosul para o Paraguai Na abertura, ontem, da 55ª Cúpula de Chefes de Estado do Mercosul e Estados Associados, em Bento Gonçalves RS, o presidente Jair Bolsonaro disse que o nível de impostos aplicado à importação de produtos afeta a competitividade e deve ser revisado. A Cúpula do Vale dos Vinhedos encerra a presidência brasileira do Mercosul, que será transferida para o Paraguai pelos próximos seis meses. Durante seu discurso, o presidente paraguaio, Mario Abdo Benítez, enfatizou o compromisso do país com o fortalecimento e respeito aos valores democráticos e aos direitos humanos.

Índices / Mercado

MOEDAS
            Compra  Venda
Dólar
Comercial   4,1874  4,1880
PTax        4,2130  4,2136

OURO
R$/grama       BM&F 199,95

BOLSAS
S Paulo  (Bovespa)  +0,29%
S Paulo  (IBx)      +0,32%
S Paulo  (IBx-50)   +0,32%

Poupança antiga    0,5000%
Poupança nova      0,2871%



Poupança: maior captação para novembro em dois anos. Aplicação mais tradicional do País, a poupança registrou a maior captação líquida para meses de novembro em dois anos. No mês passado, os depósitos superaram os saques em R$ 2,43 bilhões, segundo o Banco Central. Este é o melhor resultado para o mês desde 2017, quando a poupança tinha registrado captação líquida de R$ 3,92 bilhões. Com rendimento de 70% da Taxa Selic, a poupança atraiu recursos em novembro apesar de se tornar menos atrativa porque os juros básicos estão no menor nível da história.

Flamengo pagará pensão às famílias das vítimas do Ninho do Urubu A Justiça do Rio determinou que o Flamengo deverá pagar pensão mensal de R$ 10 mil às famílias dos dez jovens mortos no incêndio no Centro de Treinamento do Ninho do Urubu, em fev2019. A decisão liminar atende a pedido da Defensoria Pública (DPRJ) e do Ministério Público do Estado do Rio (MPRJ), para garantir fonte de sustento às famílias até decisão final sobre indenização. Além dos familiares dos jovens, o Flamengo também terá de incluir na folha do clube três atletas feridos no acidente.

Avança processo para impeachment de Trump A presidente da Câmara dos Representantes dos EUA, a democrata Nancy Pelosi, anunciou ontem que o processo de impeachment do presidente Donald Trump vai avançar. Ela considerou que os "fatos são incontestáveis". Pelosi acusa o presidente americano de abuso de poder em benefício próprio às custas da segurança do país. "O presidente (...) está tentando corromper, mais uma vez, as eleições em seu benefício", disse ela. Os Republicanos continuam a defender Trump. Kevin McCarthy, líder da minoria Republicana na Câmara, acusou Pelosi de enfraquecer a nação com suas acusações.

E MAIS:
Cinema // Contra a falta de rentabilidade.
   
Em entrevista concedida a Elizabeth (Julia Stiles), jornalista da New York Magazine, a ex-stripper Destiny (Constance Wu) conta em detalhes como conseguiu o emprego e conheceu Ramona (Jennifer Lopez), ícone do meio que logo se tornou sua grande amiga. Devido à crise financeira que abalou Wall Street em 2008, Destiny e Ramona viram o declínio na quantidade de clientes na boate em que trabalham afetar sua própria rentabilidade. Com isso, decidem elas mesmas iniciar um plano onde, juntamente com algumas amigas, vão atrás de homens em restaurantes para, após dopá-los, faturar em cima de seus cartões de crédito. A roteiro é baseado nas histórias reais de strippers de Nova York durante a crise financeira. // As Golpistas (Hustlers) / Direção: Lorene Scafaria / EUA, 2019 / Duração: 109 minutos / Gênero: Drama biográfico / Classificação: 16 anos.

Jornaldodia para tablets & smartphones
© 2019   http://www.jornaldodia.com.br>www.jornaldodia.com.br