No 7713   Ano 32   © 2019   6a-feira 15fev2019

Bebianno, afinal, mentiu mesmo?

O ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, insiste em que as decisões sobre chapas foram tomadas pelas direções regionais do PSL - e assim não teria responsabilidade pelo financiamento de candidatos "laranjas", isto é, para receber verbas públicas. Só que uma ata da Executiva do PSL, em 11jul18, mostra que o partido de Bolsonaro definiu Bebianno como responsável pela distribuição de verbas públicas na eleição. Diante da crise - que envolveu o vereador Carlos Bolsonaro (PSL-RJ) -, interlocutores, principalmente militares, agem para tentar conter o problema, de modo a não criar problemas para a reforma da Previdência [ver Economia].

JORNALDODIA COMPLETO, SÓ PARA ASSINANTES
Peça já uma demonstração gratuita
> Empresas
> Escolas

  Assinantes também podem ler estas notícias:

  Bebianno rebate: "O medo motiva a reação".

  Moro: há investigações em curso.

  Uma Lava-Jato da Educação

  Palocci confirma propina para o PT

 
POLÍTICA ECONOMIA NEGÓCIOS ÍNDICES GERAL MUNDO HOME
 
PressReader