No 7713   Ano 32   © 2019   6a-feira 15fev2019

Previdência faz Bolsa disparar

Com a definição dos termos básicos da reforma da Previdência, ontem, pelo presidente Jair Bolsonaro [ver ECONOMIA], o otimismo voltou à Bolsa de S Paulo. O índice Bovespa saiu da faixa dos 94 mil pontos e fechou a 98.015 pontos, alta de 2,27%. Praticamente todas as ações de maior peso e liquidez na bolsa viraram para o azul e passaram a subir, com destaque para os bancos Bradesco (3,40% a ON e 3,81% a PN) e Itaú Unibanco (2,66%), além da Petrobras (2,09% a ON e 3,45% a PN). No mercado de câmbio, o dólar comercial fechou antes do anúncio da Previdência: assim, a moeda encerrou em queda de 0,28%, a R$ 3,7408. Já o dólar futuro, que fecha mais tarde, era negociado por volta das 18h a R$ 3,7230, queda de 0,94%.

JORNALDODIA COMPLETO, SÓ PARA ASSINANTES
Peça já uma demonstração gratuita
> Empresas
> Escolas

  Assinantes também podem ler estas notícias:

  Lucro do BB em 2018: R$ 12,8 bilhões.

  Leilão para energia em Roraima: até maio.

  Airbus vai deixar de produzir o A380

  Amazon desiste de sede em Nova York

 
POLÍTICA ECONOMIA NEGÓCIOS ÍNDICES GERAL MUNDO HOME
 
PressReader